Como é Autoestima alta? – Bacellart Psicólogo USP 5

Como é Autoestima alta?

– Sentir-se melhor que os outros: 

     Dualidade e Defesa (Alta e/ou Baixa): Como é Autoestima alta? Assim, como a ‘baixa’, não faz bem.

     Por vezes observo, em certos atendimentos, uma espécie de gangorra, de o analisando ter uma baixa autoestima e, como defesa, uma alta autoestima, para proteger-se desse sofrimento; ele se perde em meio a momentos de depressão, por sentir-se pequeno, e euforia por se estar em destaque.

© Copyright – Bacellart Psicólogo USP. O ensaio aqui publicado pode ser reproduzido; no todo ou em parte, desde que citados o autor e a fonte.

     Quando nessa defesa, a pessoa se diz orgulhosa e enumera suas conquistas, porque isso é bom. Sim, de fato é muito bom esforçar-se e desenvolver-se. Inclusive, orgulho significa, no sentido positivo da palavra: satisfação consigo próprio. Isso acontece na autoestima saudável. No entanto, quando o orgulho existe como proteção para a baixa autoestima, advém uma postura de superioridade, um excesso de afeto por si-mesmo, e a pessoa torna-se um indivíduo narcisista, o oposto. Narcisista é palavra usada inicialmente na cultura grega antiga, designa o indivíduo muito voltado para si.

Como é Autoestima alta? / Personalidade “forte” – Orgulho:

     Assim nasce uma dualidade: através de uma grave baixa autoestima, pode se desencadear e tornar-se narcisista, centrado em si. Defendido assim, o indivíduo sente-se menos incomodado e, por vezes, chegando à   euforia. Contudo, tem também suas quedas, que o deixou depressivo. Isso lembra bipolaridade, mas não é.

     Retrocedendo um pouco, quando o indivíduo demonstra vários traços de autoestima baixa mas, também se diz orgulhoso, o significado é outro. Orgulho significa excesso de autoestima, o oposto, além disso, se a auto estima for saudável, a pessoa conseguirá admitir para si e para os outros e suas falhas. Para quem sente-se aquém, menor, não conseguirá reconhecer seus problemas, porque significará uma violência para sua personalidade já ferida.

     Nessa defesa contra sua baixa autoestima, o indivíduo sente-se acima dos outros, tem uma imagem exageradamente boa de si; e, nesse excesso de confiança, pode resultar a perda dos relacionamentos (amoroso, social e profissional); acidentes de automóvel ou no esporte, falta de cuidado com sua saúde, etc.

Como é Autoestima alta? Como melhorar desse problema:

     Reconhecendo que o ideal seria caminhar para uma autoestima saudável, que a alta autoestima não faz bem a ninguém; para além de um desenvolvimento da personalidade, há que começar um trabalho por humildade; reconhecendo suas limitações e as dos outros; ou seja tendo compaixão (cuidado consigo e com os outros), de forma respeitosa e madura. Para os que dizem ter uma religião, é algo bom a refletir com mais carinho; ou mesmo para quem é ateu, sobre suas convicções humanistas. Para quem não tem nenhuma dessas visões anteriores, essa melhora será benéfica a você, pois evitará conflitos com outras pessoas; por serem mal tratados por uma pessoa que sente-se superior, destrata e humilha.

     A dificuldade enorme de a pessoa com alta autoestima cuidar-se: Por não ter força de caráter para admitir suas fraquezas humanas; é raríssimo uma pessoa assim querer tratar-se; sobretudo com psicoterapia, onde atribuiria ao psicólogo uma “autoridade” sobre si, que seria impensável. Se você conhece alguém assim, sugiro comentar que esse jeito de ser dela, está cusando problemas a ela mesma (com os outros); além disso ela se impõe nunca errar, que gera stress; e tem a tendência a ter uma confiança exagerada em seu empreendimentos.

Excesso de confiança, excesso de segurança; o que por vezes faz o indivíduo cometer sérios problemas, por exemplo: beber e correr com o carro.

Artigos relacionados: Bullying e Autoestima – O que é autoestima

Como é Autoestima alta? É um artigo de Bacellart Psicólogo.

Bacellart Psicólogo Terapia

Abordagem: Fenomenologia existencial (heidegger) e Psicanalista do amadurecimento de Winnicott. Se necessário, orientação comportamental de terapia breve e coach/coaching desenvolvimento profissional, pessoal e do amor.

Aluno convidado, doutorado USP (Gilberto Safra) e PUC (Zeljko Loparic).

Terapia para Alta Autoestima. Terapia para Sentir-se melhor que os outros.

Consultório Av. Paulista, Jardins, Cerqueira César, Bela Vista, Jardim Paulista, jardins. Metrô Consolação ou Masp/Trianon.

Possibilidade de entrevista para TV, rádio, revista e jornal. 

Como é Autoestima alta?


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *